[RESENHA] Eleanor & Park, de Rainbow Rowell

ELEANOR_E_PARK_1391089893BTítulo: Eleanor & Park

Autor: Rainbow Rowell

Editora: Novo Século

Páginas: 325

4,5

Eleanor & Park é engraçado, triste, sarcástico, sincero e, acima de tudo, geek. Os personagens que dão título ao livro são dois jovens vizinhos de dezesseis anos. Park, descendente de coreanos e apaixonado por música e quadrinhos, não chega exatamente a ser popular, mas consegue não ser incomodado pelos colegas de escola. Eleanor, ruiva, sempre vestida com roupas estranhas e “grande” (ela pensa em si própria como gorda), é a filha mais velha de uma problemática família. Os dois se encontram no ônibus escolar todos os dias. Apesar de uma certa relutância no início, começam a conversar, enquanto dividem os quadrinhos de X-Men e Watchmen. E nem a tiração de sarro dos amigos e a desaprovação da família impede que Eleanor e Park se apaixonem, ao som de The Cure e Smiths. Esta é uma história sobre o primeiro amor, sobre como ele é invariavelmente intenso e quase sempre fadado a quebrar corações. Um amor que faz você se sentir desesperado e esperançoso ao mesmo tempo.

É um dos romances mais simples e genuínos que já li. Conta a história de Eleanor e Park, dois adolescentes que se conhecem no ônibus escolar, ela vive uma realidade dura e ele precisa enfrentar coisas típicas da vida adolescente. Juntos conseguem conviver com padrastos, pais super protetores, padrões de beleza etc… Park, um jovem viciado em HQs, faz artes marciais, se vê apaixonado por Eleanor, uma garota que foge totalmente dos padrões de beleza, desajeitada, acima do peso, com os cabelos ruivos bagunçados, também retribui o sentimento, e assim eles vão descobrindo, que o amor, pode sim nos fazer esquecer dos problemas e das dificuldades da vida.

Este é um daqueles livros que te prende do início ao fim, que te faz pensar nos teus valores e deveres. É uma história bastante surpreendente, que te encanta e te conquista. Posso afirmar que particularmente, é um dos meus romances preferidos, mesmo o final não sendo o esperado.

Anúncios