[RESENHA] O Iluminado, de Stephen King

O_ILUMINADO_1407951464BTítulo: O Iluminado

Autor: Stephen King

Editora: Objetiva

Páginas: 463

5

O romance, magistralmente levado ao cinema por Stanley Kubrick, continua apaixonando (e aterrorizando) novas gerações de leitores.

A luta assustadora entre dois mundos.

Um menino e o desejo assassino de poderosas forças malignas.

Uma família refém do mal.

Nesta guerra sem testemunhas, vencerá o mais forte.

Danny Torrance não é um menino comum. É capaz de ouvir pensamentos e transportar-se no tempo. Danny é iluminado. Será uma maldição ou uma bênção? A resposta pode estar guardada na imponência assustadora do hotel Overlook.

Em O iluminado, quando Jack Torrance consegue o emprego de zelador no velho hotel, todos os problemas da família parecem estar solucionados. Não mais o desemprego e as noites de bebedeiras. Não mais o sofrimento da esposa, Wendy. Tranquilidade e ar puro para o pequeno Danny livrar-se das convulsões que assustam a família.

Só que o Overlook não é um hotel comum. O tempo esqueceu-se de enterrar velhos ódios e de cicatrizar antigas feridas, e espíritos malignos ainda residem nos corredores. O hotel é uma chaga aberta de ressentimento e desejo de vingança. É uma sentença de morte. E somente os poderes de Danny podem fazer frente à disseminação do mal.

A história é vivida no passado, no século XX. São três os personagens principais: Jack, Wendy e Danny. Danny apesar de ser criança tinha um QI super avançado, mesmo para sua idade e é um “Iluminado”. Ser “Iluminado” significa, no contexto da história, que possui um conjunto de habilidades psíquicas que permitem que veja o passado horrível que o hotel teve.

O livro começa com Jack sendo afastado do cargo de professor de inglês em um colégio por ter problemas com bebidas alcoólicas e, com isso, tendo agredido um aluno. Gostaria de salientar que além de ter problemas com bebidas ele também não tinha um bom relacionamento com a esposa.

Quando seu amigo soube que ele havia sido demitido, arrumou um emprego para Jack. Ele seria zelador em um hotel chamado Overlook  enquanto o hotel estava em manutenção. Por ser muito longe, Jack teve que levar toda sua família para o hotel junto com ele.

Um fator muito importante no enredo é que Danny, filho de Jack e Wendy,  enxergava Tony, garoto que seus pais achavam que era um amigo imaginário do filho e, no início, Tony mostrava para Danny coisas que ele e sua família tinham perdido, como uma caixa de ferramentas, mas depois Tony começou a apresentar para a criança coisas ruins que aconteceriam se eles se mudassem para o hotel.

No hotel, Jack e Wendy tiveram muitas lembranças do seu passado. Mais adiante Danny e sua mãe tentaram alertar Jack de que o hotel era ruim para eles e que eles queriam ir embora, mas eles acabaram ficam no hotel pelo emprego de  Jack. Quanto mais tempo passavam no hotel mais eles ouviam pessoas que não deveriam estar por ali.

O livro tem muito suspense e um pouquinho de terror, mas foi uma das histórias mais bem feitas que já li. O livro prende os leitores desde o início. Posso dizer que é surpreendente o enredo e é a melhor história que já li ou assisti em filmes sobre locais mal assombrados. Eu não li outros livros do Stephen King ainda, mas tenho certeza de que este deve ser um dos melhores. Uma das características mais interessantes da trama é que nos últimos três capítulos conseguimos entender o que acontece com o hotel e com os personagens principais, não poderia ter tido um final melhor.

LEIA TAMBÉM: Hotel Stanley, inspiração de Stephen King para “O Iluminado”

Anúncios

2 comentários sobre “[RESENHA] O Iluminado, de Stephen King

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s