[RESENHA] Seraphina, de Rachel Hartman

SeraphinaTítulo: Seraphina (Seraphina #1)

Autor: Rachel Hartman

Editora: Jangada

Páginas:  384

4,5

Seraphina – Neste livro você vai conhecer Seraphina Dombergh, uma garota de 16 anos com grande talento para a música e que possui um terrível segredo. A história se passa no reino medieval de Goredd, onde seres humanos e dragões convivem em harmonia durante décadas, desde a assinatura do Tratado de Paz. Criaturas extremamente inteligentes que podem assumir a forma humana, os dragões frequentam a corte como embaixadores. Seraphina se torna assistente do compositor da corte justo quando um membro da família real é assassinado bem ao estilo dos dragões. O clima começa a ficar perigosamente tenso e Seraphina passa a colaborar com as investigações, ao lado do capitão da Guarda da Rainha, o Príncipe Lucian Kiggs. Durante essa jornada que pode destruir a paz entre humanos e dragões, a fachada cuidadosamente construída por Seraphina começa a desmoronar, tornando cada vez mais difícil manter seu segredo, cuja revelação seria catastrófica em sua vida.

Neste mundo, onde dragões e humanos vivem em paz por décadas, a forma mais desprezível que existe não é nem dragão nem humano. É um meio-dragão, assim como Seraphina; metade humana (como seu pai) e metade dragão (herança de sua mãe, que morreu após o parto).

Há muitas décadas foi assinado um acordo de paz entre o líder dos dragões e a rainha dos humanos de Goredd, o acordo foi seguido a risca pelas duas partes. Mas em algum momento da história um dragão fora da lei se infiltrou na alta sociedade de Goredd e causou grandes estragos.

A vida de Phina baseia-se em levar uma vida o mais normal possível, o que não é muita coisa se contar os pulsos e cintura cobertos por escamas prateadas que ela precisa sempre cuidar para não deixar descobertos.

Gostei bastante do livro, ele nos apresenta uma criatura que não é muito citado nos livros, os dragões. Confesso que é a segunda história que leio sobre dragões (a primeira foi a saga de Eragon), mas achei esse enredo muito mais envolvente. A história também conta com um pequeno romance, mas é pequeno mesmo, se estiver procurando um livro de romance provavelmente Seraphina não lhe agradará muito.

Anúncios

2 comentários sobre “[RESENHA] Seraphina, de Rachel Hartman

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s